Inscrição para pós em Análise e Projeto de Sistema acaba sábado (10)

Especialização será 100% online por causa da pandemia e começa em 20 de outubro

Devido à pandemia do novo coronavírus e o consequente isolamento social, as aulas online substituíram as presenciais em muitas instituições de ensino. Na PUC-Rio essa migração aconteceu em tempo recorde, com uma estrutura montada para oferecer excelência no ensino remoto. Por isso, a especialização em Análise e Projeto de Sistemas (APS) é uma pós-graduação que se tornou 100% online mantendo a qualidade e tradição do curso presencial. As inscrições estão abertas até 10 de outubro e as aulas começam em 20 de outubro. 

Criado há mais de 40 anos, o curso foi pioneiro na formação de profissionais de Informática do Brasil e inspirou outros tantos. Equilibrando teoria e prática, a especialização habilita profissionais de diversas áreas de conhecimento a analisar e projetar sistemas de informação de alta qualidade e performance, o que faz toda a diferença em sua atuação profissional. Nessas quatro décadas, o conteúdo foi sendo modernizado, para acompanhar as evoluções e ditar as tendências do mercado e da tecnologia. 

No formato 100% online, o aluno terá acesso às aulas com professores do curso e convidados ao vivo, e poderá interagir com a turma em tempo real. Além disso, as aulas ficam gravadas e disponíveis para o acesso a qualquer hora. Outro diferencial é o vasto conteúdo exclusivo, incentivo e apoio à jornada de aprendizado com amplo networking, tanto na indústria quanto nos meios acadêmicos.

O curso tem como objetivo capacitar com excelência e desenvolver habilidades profissionais para:

  • Definir estratégias e processos de desenvolvimento de softwares
  • Especificar sistemas de informação
  • Analisar, selecionar e aplicar métodos, técnicas e ferramentas apropriadas ao desenvolvimento dos sistemas
  • Empregar, no desenvolvimento dos sistemas, tecnologias novas e/ou estabelecidas, relacionadas a Banco de Dados, Interfaces e Orientação a Objetos
  • Liderar equipes técnicas

As aulas ao vivo serão são às terças, quartas e quintas-feiras, das 19h às 22h. E o curso tem duração total de 18 meses. Para saber mais sobre a metodologia, investimento e disciplinas, confira a página da Pós-Graduação Lato Sensu em Análise e Projeto de Sistemas, no site de Educação Continuada da PUC-Rio.

 

Inscrições estão abertas para seleção de mestrado e doutorado no DI

Programa de Pós-Graduação do DI/PUC-Rio tem nota máxima da CAPES e excelência reconhecida internacionalmente 

O Departamento de Informática da PUC-Rio (DI) lançou nesta segunda-feira (5) o edital de seleção para mestrado e doutorado para o primeiro semestre de 2021. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site até 16 de novembro. O Programa de Pós-Graduação do DI foi o primeiro no país a receber nota máxima (7) da CAPES, em 2003, e desde então se mantém assim. Sua excelência é reconhecida não só por órgãos dos ministérios de Ciência e Tecnologia e da Educação, como também por pesquisadores e instituições nacionais e internacionais.

A maioria dos alunos aceitos em regime de tempo integral no DI recebe bolsa de fomento ou bolsa de isenção total, e portanto não paga mensalidades. Dentre os documentos exigidos para a inscrição, é requerido um plano de pesquisa pré-aprovado pelo orientador pretendido — um dos professores do quadro de docentes permanentes do Programa de Pós-Graduação do DI. É importante entrar em contato com o orientador pretendido com antecedência para alinhar os interesses entre candidato e orientador. 

O DI forma mestres e doutores em Informática, especializados nas seguintes áreas  de concentração: 

  • Bancos de Dados (BD) 
  • Ciência de Dados – Data Science (CD) 
  • Computação Gráfica (CG) 
  • Engenharia de Software (ES) 
  • Hipertexto e Multimídia (HM) 
  • Interação Humano-Computador (IHC) 
  • Linguagens de Programação (LP) 
  • Otimização e Raciocínio Automático (OTR) 
  • Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos (RCSD) 
  • Teoria da Computação (TC) 

Cada área de concentração tem suas linhas de pesquisa, como Jogos e  Entretenimento Digital; Visualização 3D; Computação Móvel; e Redes de Alta Velocidade. Todos os detalhes do processo seletivo, cronograma de datas, documentação e mais informações estão disponíveis no edital

 

Seminário A Structural Approach to Indexing Triples

Abstract. As an essential part of the W3C’s semantic web stack and linked data initiative, RDF data management systems (also known as triplestores) have drawn a lot of research attention. The majority of these systems use value-based indexes (e.g., B+-trees) for physical storage, and ignore many of the structural aspects present in RDF graphs. Structural indexes, on the other hand, have been successfully applied in XML and semi-structured data management to exploit structural graph information in query processing. In those settings, a structural index groups nodes in a graph based on some equivalence criterion, for example, indistinguishability with respect to some query workload (usually XPath). Motivated by this body of work, we have started the SAINT-DB project to study and develop a native RDF management system based on structural indexes. In this talk we present a principled framework for designing and using RDF structural indexes for practical fragments of SPARQL, based on recent formal structural characterizations of these fragments. We then explain how structural indexes can be incorporated in a typical query processing workow; and discuss the design, implementation, and initial empirical evaluation of our approach.

Prof. Jan Hidders, TU Delft
Data e horário: 22/08 das 13 às 15
Local: RDC510