Engenharia de Computação - PUC-Rio

Projeto de Graduação em Engenharia de Computação

Como funcionam as disciplinas de Projeto de Graduação

Existem duas disciplinas de Projeto de Graduação em Engenharia de Computação. Ao longo dessas duas disciplinas, o aluno deve desenvolver um projeto de engenharia ou um projeto de pesquisa, de caráter teórico ou experimental, sob a supervisão de um professor orientador. O professor orientador deve ser um professor do corpo docente dos departamentos de Informática ou Engenharia Elétrica.

Na primeira disciplinas, Projeto de Graduação I (eng1132), o aluno deve preparar uma proposta completa do que será o corpo de seu Projeto Final II. Durante esse semestre, aluno e orientador devem elaborar a descrição do que será o produto final do projeto, e o aluno deve adquirir o ferramental necessário para seu desenvolvimento. Isso pode envolver testes com diferentes tecnologias para determinar a viabilidade de seu uso e integração no projeto ou o estudo de ferramental teórico necessário para o desenvolvimento do trabalho. O produto dessa disciplina é um relatório elaborado pelo aluno, contendo um relato das atividades realizadas e a descrição do projeto a ser elaborado. O critério de aprovação da disciplina de Projeto Final I é do professor-orientador, que deve basear-se no cumprimento das tarefas previstas na metodologia de trabalho proposta. O aluno matriculado em Projeto de Graduação I deve ainda assistir algumas apresentações de alunos que estejam terminando o Projeto de Graduação II (ver abaixo).

Caso seja aprovado no Projeto de Graduação I, o aluno se matricula no Projeto de Graduação II (eng1133), e durante esse semestre implementa o projeto especificado, ou desenvolve o trabalho de pesquisa proposto, segundo cronograma de atividades e forma de acompanhamento combinados com o professor orientador. Uma banca examinadora de 3 professores avalia o trabalho do aluno na disciplina de Projeto de Graduação II. O professor-orientador faz parte desta banca. Ela examina o trabalho escrito, a apresentação feita pelo aluno e, se pertinente, o protótipo/software desenvolvido. Na banca, o aluno poderá ser aprovado, reprovado ou receber grau incompleto. A nota do aluno é dada por consenso entre os membros da banca.

Se o aluno receber grau incompleto (em função do projeto não apresentar padrões de qualidade suficientes), deverá reapresentar o trabalho com as necessárias correções antes do término do período letivo, conforme as regras da PUC-Rio.

De interesse: