Marcos Kalinowski

Marcos Kalinowski é professor do quadro principal do DI da PUC-Rio. Atua como coordenador do programa de Pós-graduação em Informática e orienta pesquisas de mestrado e doutorado nas áreas de Engenharia de Software Experimental, Engenharia de Sistemas de Software Inteligentes e Transformação Digital. Foi co-fundador e co-coordena a iniciativa para transformação digital ExACTa PUC-Rio, que aproxima a pesquisa do programa de pós-graduação com empresas que estão em busca de inovação. Tem publicado regularmente nos principais veículos da área de sistemas de software. Atua como Editor da trilha prática (In Practice Editor) e membro do corpo editorial do Journal of Systems and Software. Tem sido escolhido para presidir comitês científicos de eventos de relevância internacional (e.g., ESEM General PC chair 2020/21) e atuado regularmente como membro de comitê de programa dos principais eventos de sua área. É membro da rede de excelência em pesquisa ISERN (International Software Engineering Research Network). Tem destacada atuação em colaborações internacionais de pesquisa, principalmente em parceria com o Blekinge Institute of Technology (Suécia), com a Vienna University of Technology (Austria), com a Technische Universtät München (Alemanha) e com a University of Stuttgart (Alemanha). Mais informações podem ser encontradas em http://www.inf.puc-rio.br/~kalinowski

Markus Endler

Professor Associado do Departamento de Informática e Professor livre-docente (desde 2001),  Markus Endler atua na área de Sistemas Distribuídos, e trabalha com o desenvolvimento de midleware para Computação Móvel e Pervasiva,  Software Adaptativo e a Internet das Coisas. Bacharel em Matemática(1984) e Mestre em Informática (1987) pela PUC-Rio, obteve o título de doutor das ciências naturais (Dr. rer. nat.) em Informática pela Technische Universität Berlin em 1992. Após o doutorado trabalhou por sete anos no IME/USPm, onde fundou e coordenou o laboratório LCPD, antes de realizar seu sonho e vir trabalhar, em 2001, no que considera o “melhor e mais representativo” departamento de Computação do Brasil. Em 2002 fundou o Laboratory for Advanced Collaboration (LAC), do qual é coordenador e pesquisador principal. No LAC coordena projetos com foco em Computação Móvel e Pervasiva, sistemas distribuídos com mobilidade, middleware distribuído escalável, Ciência de contexto, Colaboração móvel, sensores, Processamento de Eventos Complexos, Analise de streams de dados e redes sociais pervasivas, tendo parcerias com grandes empresas como Microsoft, a Oi e a Boeing.